sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

Escolhe pois a Vida



Escolhe pois a Vida






E nesta última quarta-feira de cinzas tivemos o ínicio de nossa quaresma, tempo de penitência e reflexão, tempo em que enxergamos a nossa pequenez diante da imensidão de Deus e como pode transformar a nossa vida quando nos deixamos ser guiados pelo Senhor. E justamente com a quaresma inicia-se também a Campanha da Fraternidade, com o tema escolhe pois a vida, num momento oportuno, porque já algum tempo existem vários projetos de leis para favorecer o aborto.

A Igreja já afirmou categoricamente que o aborto é um assassinato, é um pecado mortal e quem apoia o aborto não é católico e realmente existem muitas pessoas que apoiam o aborto como o movimento católicas pelo direito de decidir ainda se dizendo católicos. Oras decidir se devem ou não tirar uma vida? Que tipo de decisão é esta? Desde quando temos este poder de decidir quem deve viver ou quem deve morrer?

Nós não temos o direito de decidir quem deve viver ou morrer, ao contrário, quando Jesus nos diz que Deus é Amor e que devemos nos amar uns aos outros com certeza também está agregado a isso, a valorização da vida de seu próximo.

I Joao 4, 7-8. Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus, e todo o que ama é nascido de Deus e conhece a Deus.Aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor.

1 JOAO 3,10-11 "É nisso que se conhece quais sao os filhos de Deus e quais os do demonio:todo o que nao pratica a justiça nao é de Deus ASSIM COMO TODO O QUE NAO AMA SEU IRMAO.Pois esta é a mensagem que tendes ouvidos desde o principio:QUE NOS AMEMOS UNS AOS OUTROS"

Como podemos colocar estas palavras frente à um assassinato , à morte de uma vida indefesa? Somos todos chamados a dar sua opinião, a declarar ser contra estas leis que estão tentando nos impor, porque se uma lei dessas vigorar em nosso país seremos também culpados por omissão por não defendemos no que acreditamos:

1 João 4,20 Se alguem disser : "Amo a Deus", mas odeia seu irmao é um MENTIROSO.Porque aquele que nao ama seu irmao a quem vê, é incapaz de amar a Deus a quem nao vê"

Joao 13, 34 Dou vos um novo mandamanento: amai-vos uns aos outros como eu vos tenho amado, assim tb vós deveis amar-vos uns aos outros

Joao 13,35 Nisso todos reconhecerao que sois meus discipulos: SE AMARDES UNS AOS
OUTROS

Joao 15,17 O que vos mando é que vos amei uns aos outros

Para aqueles que ainda pensam que é possível conciliar a mensagem do Evangelho com o aborto, só posso dizer que Jesus mesmo nos diz que quem não seu próximo é um assassino, bem conveniente se pensarmos que é possivel tirar uma vida inocente por causa de algum motivo pessoal nosso, não estamos sendo a mesma coisa que um assassino?

I Joao 3,15-16 Quem odeia seu irmão é assassino. E sabeis que a vida eterna não permanece em nenhum assassino. Nisto temos conhecido o amor: (Jesus) deu sua vida por nós. Também nós outros devemos dar a nossa vida pelos nossos irmãos.

1 JOAO 3,10-11 "É nisso que se conhece quais sao os filhos de Deus e quais os do demonio:todo o que nao pratica a justiça nao é de Deus ASSIM COMO TODO O QUE NAO AMA SEU IRMAO.Pois esta é a mensagem que tendes ouvidos desde o principio:QUE NOS AMEMOS UNS AOS OUTROS"

1 Joao 2,9-11 "Aquele que diz estar na luz e odeia seu irmao, jaz ainda nas trevas,Quem ama seu irmao permanece na luz e nao se expoe a tropeçar.Mas quem odeia seu rimao estas nas trevas e anda nas trevas, sem saber para onde dirige os passos, AS TREVAS CEGARAM SEUS OLHOS"

Que nós católicos possamos gritar por esse Brasil afora nossa opinião, para que os governantes possam perceber que o aborto não é aceito pela sociedade cristã católica, que não vamos aceitar esse genocidio invisivel como ato legalmente aceitável em nosso meio.

Eu me lembro sobre um debate na tv onde os abortista defendiam que a mulher tem o direito de decidir sobre o seu corpo e o que fazer com ele tentando provar a sua legalidade, até que um promotor interviu e disse que realmente a mulher tem sim o direito de decidir sobre o seu corpo, mas não tem o direito de decidir sobre o corpo da pessoa que esta dentro dela, não tem o direito de decidir sobre esta vida. E todos se calaram por um breve momento.

Por mais que se queira colocar alegações, nunca poderão provar que o aborto é algo benéfico à pessoa humana, à socidade. Hoje a desvalorização da vida, a vulgarização dos valores da família, a falta do respeito com o próximo e idosos, são provas que a humanidade tem caminhado cada vez mais num buraco negro que quer destruir o que temos de melhorque são todos os valores que nos fazem ter uma sadia convivência.

Que possamos rezar para que as mensagens deixadas por todas as campanhas da fraternidade possam ecoar como um grito que ressoa sobre nós comunidade católica no Brasil mais ainda, que este grito seja escutado pelos governantes como um Não a Legalização do Aborto, Não aos crimes contra a Família, Não contra a desvalorização do casamento como as união homossexuais .

© Livre para cópia e difusão na íntegra e com menção do site Exsurge Domini e do autor

Nenhum comentário: