segunda-feira, 25 de março de 2013

Exsurge Domini no FaceBook! Siga-nos!



A paz de Jesus e o Amor de Maria

Irmãos que acompanham o site Exsurge Domini, estamos voltando a ativa já confeccionando um novo layout e preparando para novos artigos, mas estamos já atuando com a evangelização através do FaceBook. Quem quiser nos acompanhar temos muitas postagens de formação católica. Basta entrar em nossa FanPage e Curtir.

Venha e faça parte de nossa família

http://www.facebook.com/exsurgedomini



sábado, 29 de maio de 2010

Canonista explica como atua a Igreja diante das denúncias contra sacerdotes




.- O Pe. Alberto Pacheco Escobedo, Vigário Judicial do Tribunal Eclesiástico da Arquidiocese do México e doutor em Direito Canônico, explicou que o direito eclesiástico tem uma competência distinta ao civil e que a Igreja sempre recomenda às possíveis vítimas de abusos sexuais denunciar o fato ante as autoridades locais. "O que posso dizer claramente é que o direito de defesa na Igreja está garantido e ninguém pode ser interpelado em sua esfera jurídica sem ter sido escutado", afirmou em entrevista com o semanário Desde la Fe. O sacerdote disse que quando uma pessoa foi vítima de algum abuso deve apresentar a denúncia ante a Vicaria Episcopal correspondente. Entretanto, esclareceu que não se pode atuar perante uma denúncia anônima "por princípio elementar de justiça", pois se encontraram casos de "mera animadversão pessoal contra algum sacerdote". "Se forem anônimas nem sequer podemos investigar, como tampouco o faz a autoridade civil. Se a denúncia formal é apresentada assinada pelos denunciantes e tem reflexos de veracidade, o Sr. Arcebispo decretou que no período mais breve possível esta passe ao Tribunal Eclesiástico, e ele começará a investigar citando testemunhas, denunciantes e o acusado", explicou. Do mesmo modo, indicou que "nessa prévia investigação o Bispo deve ter o cuidado de que não seja uma calúnia contra o clérigo. Quando essa investigação prévia outorga ao menos possibilidades da existência desse delito, é quando deve comunicá-lo" à Congregação para a Doutrina da Fé. Acrescentou que durante a investigação o sacerdote pode ser suspenso de suas funções. O Pe. Pacheco disse que o Direito Canônico "tem um capítulo inteiro sobre as penas que podem ser imposta aos fiéis (…) que cometem algum delito, não só aos clérigos"; em cujo caso "as penas são as maiores, e devem ser impostas aos clérigos que tenham cometido atos imorais contra o sexto mandamento do decálogo". Depois de assinalar que a Igreja "não estorva as autoridades civis na investigação e aplicação das penas civis", o perito reiterou que não se pode proceder "perante acusações anônimas, por notas jornalísticas, por difamações não comprovadas". "Assim como se deve ter em conta os direitos humanos dos ofendidos, também se deve tomar em conta os direitos humanos dos clérigos que podem ser falsamente acusados. Estes também têm direito à sua boa fama. Muitas vezes o que se imputa falsamente como encobrimento, é amparo da intimidade e boa fama dos ofendidos", indicou. O Pe. Pacheco esclareceu que a Igreja não tem maneira de impor uma sanção econômica nem de colocar a ninguém no cárcere, pois isto é competência da autoridade civil. "O máximo que a autoridade eclesiástica que pode fazer é expulsá-lo como sacerdote: essa é a pena máxima que pode ser imposta", indicou.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

A confusão entre pedofilia e efebofilia



Conta o professor Tonino Cantelmi, psicoterapeuta e especialista em psiquiatria
Por Mirko Testa

ROMA, sexta-feira, 16 de abril de 2010 (ZENIT.org).- A origem da tempestade da mídia que caiu sobre o secretário do Estado do Papa, cardeal Tarcisio Bertone, é uma simplificação, muitas vezes alimentada pelos meios de comunicação, que fazem confusão entre pedofilia e efebofilia.

Disso está convicto o professor Tonino Cantelmi, que é presidente da Associação Italiana de Psicólogos e Pisiquiatras Católicos (AIPPC), e ensina Psicopatologia na Pontíficia Universidade Gregoriana de Roma.

Em declarações a ZENIT, o psicoterapeuta aponta os agentes informativos como causadores, em parte, do equívoco: “A confusão feita ao comparar a pedofilia com a homossexualidade, creio eu, que parte disso diz respeito a vocês, jornalistas.”

“Muitas vezes lemos: sacerdote acusado de pedofilia por ter abusado de um menino de 13 anos. Mas isso não é pedofilia!”, afirmou.

“Certamente - acrescentou Cantelmi - o cardeal Bertone se referia à efebofilia, ou seja, à atração sexual por adolescentes, com idades entre 11 e 17 anos”.

“E os abusos cometidos por membros do clero têm a ver principalmente com as crianças pós-púberes, e têm como protagonistas pessoas homossexuais”, explicou.

“Por honestidade, devemos dizer que a pedofilia não tem nada a ver com a homossexualidade – continuou. A pedofilia é uma doença, uma perversão grave que não está ligada à orientação sexual”.

Além disso, continuou, “a causa da pedofilia não é o celibato. O que desencadeia a pedofilia é um transtorno da personalidade que na maioria das vezes é narcisista, maligno, ligado as pessoas muito manipuladoras, de perfil antissocial e sádico”.

O professor Tonino Cantelmi afirmou ainda que a comunidade científica internacional é unânime sobre esse ponto: “não há nenhuma prova que possa demonstrar que o celibato está na origem da pedofilia. O celibato não tem relação com isso”.

“Tanto é que, dos 10.000 pedófilos ativos na Itália, a maior parte está formada por heterossexuais e por pessoas que têm família”, concluiu.

Atriz francesa que considerava Igreja “poeirenta” diz tê-la descoberto “viva” após documentário




abril 28th, 2010


Gaudium Press


Cena do documentário “Em nome do Pai”
“Para mim, a Igreja evocava algo poeirento e sinistro. Descobri que ela era viva, encarnada por pessoas inteligentes e boas”. Essa foi a conclusão a que chegou a atriz Virginie Ledoyen, após acompanhar três seminaristas da diocese de Paris para o documentário “Em nome do Pai”, que estreou semana passada na tv francesa e do qual é co-diretora.

A entrevista de Ledoyen à luz do premiére do documentário foi repercutida por vários jornais franceses, como Le Parisien, Le Figaro, La Croix.

Durante um mês e meio a atriz e “neo-diretora” acompanhou três jovens candidatos ao sacerdócio, em suas mais variadas atividades, para entender “os mistérios da vocação”.

O documentário foi realizado como uma verdadeira investigação. Na entrevista, a jovem diretora confessou não ter nenhuma formação religiosa e sequer ter começado a questionar seu ateísmo. Ainda assim, no entanto, não sendo nem mesmo batizada, disse sempre ter tido fascinação pelo fervor religioso demonstrado por algumas pessoas.

Ela revelou que antes de realizar o documentário tinha a ideia de que a “Igreja evocava algo poeirento e sinistro”. “Descobri que ela era viva, encarnada por pessoas inteligentes e boas”. Interessante conclusão que demonstra, assim como o testemunho pessoal, sem temor, o argumento de primeira qualidade para a catequese.

Não é o padre que vira pedófilo, é o pedófilo que vira padre.”




maio 10th, 2010

A Folha de São Paulo traz de ontemtraz uma declaração muito feliz de D. Eduardo Benes, Arcebispo de Sorocaba: “Não é o padre que vira pedófilo, é o pedófilo que vira padre.” Bingo! É exatamente isso que muita gente não consegue – ou não quer? – entender.

O Problema dos escândalos sexuais na Igreja não é conseqüência do celibato eclesiástico, ou da reserva da Ordenação Sagrada aos homens. O problema dos escândalos se encontra no fato de que esses homens que chegaram ao sacerdócio estão altamente impregnados pela cultura sexual permissiva na qual vivemos. São os filhos da revolução sexual! Admira-nos que, os mesmos que tentam romper com as “pesadas cadeias morais que o ocidente católico impôs à sociedade”, que engrossam nossas avenidas públicas com gritos de “viva a diferença!” – e querem calar as vozes preconceituosas contrárias -, são os que rasgam as vestes, escandalizados diante dos frutos de um comportamento canonizado por eles.

Não foi o sacerdócio, nem a moral da Igreja que corrompeu esses homens. Se fossem coerentes com o que Sua Mãe, a Igreja, lhes ensina e exige, jamais cometeriam tais atos repugnantes. Devemos redobrar, sim, a atenção com respeito à seleção e formação dos candidatos às Sagradas Ordens, para que ninguém as receba sem o mínimo de condição exigida pelo Magistério. E devemos redobrar a nossa vigilância pessoal, pois – como afirma o Doutor de Hipona – “Não há pecado nem crime cometido por outro homem que eu não seja capaz de cometer por razão de minha fragilidade, e se ainda não o cometi, é porque Deus, em sua misericórdia, não o permitiu e me preservou no bem.” (Santo Agostinho, Confissões 2,7).

Sacerdote morre ao salvar 3 jovens de afogamento





Nota do Autor do Blog Exsurge Domini

Notícias como está não tem repercussão, é mais fácil e dá mais ibope falar mau da Igreja e dos padres do que noticiar que um sacerdote morreu ao salvar 03 jovens. É a tendenciosa mídia que manipula o que vai alimentar a sociedade de acordo com o que ela acha melhor. E nunca a favor da Igreja.
João 15,13. Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida por seus amigos.

O Pe. Thomas Remedios Fernandes, de 37 anos, vigário paroquial da igreja de Jesus, Maria e José, na aldeia de Nuvem, na Índia, faleceu no último 9 de maio ao salvar a três jovens de perecer afogados no mar durante um passeio organizado pela paróquia.

Conforme informou a agência Fides, a paróquia tinha organizado um dia de companheirismo na praia da Galgibaga. Esse dia pela tarde, três jovens de 17 a 19 anos ingressaram no mar agitado e ao encontrar-se em dificuldade gritaram pedindo ajuda.

“O Pe. Fernandes se atirou na água e conseguiu salvar em seguida dois deles. Uma vez alcançado e posto a salvo o terceiro jovem, o sacerdote sofreu um ataque cardíaco fatal. O sacerdote foi socorrido e levado rapidamente a um hospital próximo, mas os médicos não puderam fazer outra coisa que constatar a morte”, informou Fides.

A Igreja em Goa afirmou que o Pe. Fernandes “é um Pastor que deu a vida por suas ovelhas (…) e neste Ano Sacerdotal é um exemplo e um testemunho para todos os sacerdotes”.

Você sabe quantos padres tem no Brasil???




Autor: Dom Eduardo Pinheiro da Silva

Até o dia 1º de maio de 2010, a Igreja contava com 18 mil padres no Brasil. E mais de 100 milhões de fiéis. Isso significa que cada padre tem que atender a mais de 5555 fiéis.
Agora faça essa conta comigo:

10% de 18 mil padres = 1.800 padres
1% de 18 mil padres = 180 padres
0,1% de 18 mil padres = 18 padres
0,01% de 18 mil padres = 1,8 padres
Quantos padres brasileiros estão envolvidos em escândalos pela mídia? 2 ou 3? Isso significa menos de 0,02% de todos os padres do Brasil!

E os outros 99,98%?
Nós vamos condenar todos os padres por causa de 2 ou 3?
Nós vamos deixar de acreditar em 11 Discípulos porque Judas traiu Jesus?
Nós vamos deixar de acreditar no Senhor por causa disso?
Deixaremos de ir à Igreja e de comungar por causa da mídia escandalosa?
Pense bem: mesmo você sendo pecador e imperfeito, mesmo com dúvidas, mesmo que você se afaste da Igreja de Cristo, mesmo assim Jesus morreu por você!

Pense nisso com carinho.

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Governo do Estado do Rio ataca Igreja Católica em prova de concurso público




Prova de concurso público, elaborada por orgão do Governo do Estado
do Rio de Janeiro, ataca a Igreja fazendo alusão que uma doença ginecológica não teria sido tratada por culpa da religião, na verdade dá a entender que o corrimento seria uma DST (Doença Sexualmente Transmitida) e que a mesma teve a doença devido a religião católica e outro detalhe que ajuda a sustentar isso seria a citação de que o marido estando desempregado e faz uso frequente de bebida alcoólica seria então não fiel ao casamento trazendo doença a esposa. Tudo para atacar a Igreja por causa da mesma ser contra a camisinha mas que ao invés disso prega a castidade.


Veja logo abaixo o absurdo...!!!



AS PROVAS DO CONCURSO

Questão N. 14
Para Médico, Dentista, Enfermeiro e Farmacêutico:

http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/MEDICO.pdf
http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/cirurgiaodentista.pdf
http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/ENFERMEIRO.pdf
http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/FARMACEUTICO.pdf

14. Júlia, 44 anos, casada, natural da Bahia, católica, diarista. Seu marido está desempregado há 5 anos e faz uso frequente de bebida alcoólica. Procurou o posto de saúde, pois tem apresentado corrimento vaginal e dor pélvica. Há 5 anos não faz exame ginecólogico. Com base nos dados apresentados, conclui-se que:

A) O uso de álcool pelo marido pouco influencia a vulnerabilidade da paciente.

B) O fato de a paciente ser mulher tem pouca influência na sua vulnerabilidade.

C) A religião da paciente influencia a sua vulnerabilidade. (R. Correta)

D) O tratamento medicamentoso deve ser prescrito para a paciente e para o seu marido.

E) O exame colpocitológico deve ser realizado para a escolha do tratamento.



CEPERJ GABARITO
http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/paginaviva.asp


ORGANIZAÇÃO SOCIAL VIVA COMUNIDADE


EDITAL

O Diretor Geral da Organização Social (OS) Viva Comunidade, no uso das atribuições conferidas pela Legislação em vigor, e tendo em vista o comunicado da CEPERJ RJ, torna público o Gabarito das Provas Objetivas de Níveis Superior, Médio e Fundamental Completo, realizadas no dia 16 de maio de 2010, para a realização de Processo Seletivo Público. http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/gabarito.doc


FONTE:
http://www.ceperj.rj.gov.br/concursos/viva/gabarito

Para reclamar da discriminação e preconceito contra a Igreja:

http://www.ceperj.rj.gov.br/Institucionais/faleconosco.html

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Novo Blog Ministério Ressurreição




Blog do Ministério de Música na qual participo está no ar.
Vamos trabalhar com formação do músico católico e sugestões para a música na Missa e Grupo de Oração.

www.ministerio-ressurreicao.blogspot.com

Pax et Bonum

Os artigos de formação para ministério de música estão sendo transferido ao Blog Ministério Ressurreição.

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

A Origem e Função do Bispo




http://www.oecumene.radiovaticana.org/BRA/Articolo.asp?c=310745

Uberaba, 20 ago (RV) – O arcebispo de Uberaba, MG, Dom Benedicto de Ulhôa Vieira publicou um artigo, nesta quinta-feira, no site do Jornal da Manhã, da cidade, onde explica a origem e a função do bispo.

Eis o artigo, na íntegra:

"Vem-se notando na imprensa o hábito lamentável de designar com o título de "bispo", o pastor ou o líder de qualquer agrupamento religioso.

Reflitamos: se alguém colocar na porta de seu escritório ou de sua residência uma placa indicativa com seu nome e – sem o ser – acrescentar "médico", "advogado", "professor" ou outra profissão, pode ser processado por falsidade profissional. Igualmente com o termo "bispo". Daí a necessidade de se ter noção exata do que seja o uso correto do termo.

No início da pregação evangélica, os apóstolos de Cristo escolheram colaboradores que, após a sua morte, lhes sucedessem no governo das comunidades nascentes e na pregação da mensagem cristã. Inicialmente eram chamados de "sucessores dos apóstolos", como nos informa Clemente Romano, no ano 96 da era cristã, na bela e conhecida Carta à Igreja de Corinto.

A missão destes sucessores era responsabilizar-se pelas comunidades que se formaram ao redor dos apóstolos, supervisionando a sua vida evangélica. Daí o verbo "episkopein" (supervisionar), de que vem o substantivo "epískopos": o que zela como guarda e protetor, por supervisionar o rebanho. Em latim "epíscopus" e, em português bispo, isto é: o que tem a nobre missão, como autêntico sucessor dos apóstolos, de responsabilizar-se pela comunidade dos fiéis.

Hoje, quem escolhe e nomeia o bispo é o sucessor de São Pedro, o Papa. O eleito recebe a plenitude do sacramento da Ordem pela "keirotonia", isto é: imposição das mãos de três outros bispos e pela unção e oração consecratória. Há, pois, uma corrente genealógica ascendente, que chega até um dos doze apóstolos, do qual o bispo atual é verdadeiro sucessor.

Não fica pois, difícil entender que esta função de suceder a um dos doze apóstolos, função de superintender o rebanho de Cristo – "episkopein" – não pode ser usurpada. O despreparo teológico (ou ousadia) chega até a usar o termo no feminino!

A autoridade do bispo, sucessor dos apóstolos, vem da palavra de Jesus aos doze: "todo poder me foi dado no céu e na terra. Ide pois: batizai e ensinai que observem o que lhes ensinei." (Mt 28,19ss).

Triste saber que o termo que designa o poder espiritual de zelar pela Igreja, transmitido por Jesus Cristo aos doze apóstolos e, posteriormente aos sucessores, seja usurpado e vulgarizado, como vem acontecendo de algum tempo para cá. Esta explicação teológica da palavra "bispo" e sua função nos mostram que seu uso atual para designar qualquer líder religioso, não é apropriado e correto."

Dom Benedicto de Ulhôa Vieira é membro da Academia de Letras do Triângulo Mineiro. (AF)

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

A moeda perdida - Testemunho de conversão de ex-pastor Gilberto Albuquerque




Testemunho gentilmente cedido por Gilberto ao site e blog Exsurge Domini


Se alguém me pergunta-se a que religião pertencia, católico era a resposta, afinal todos que vão uma vez por ano na igreja assim respondem. De repente comecei a me interessar por Deus, assim, de um momento, comecei a participar de missas, de celebrações, passei a ser um fervoroso católico. Comprei minha primeira bíblia, e pela primeira vez comecei a estudar a palavra de Deus. Comecei em Genesis e fui a Apocalipse, sem interrupção. Lia no sofá, no ônibus, no banheiro, nas folgas, no trabalho, e não entendia nada. Ler a bíblia inteira uma vez não resolveu, simples, leio de novo. Agora sim, comecei a entender principalmente que a igreja , os padres e os bispos não cumpriam o que estava na bíblia. Pronto, nasceu mais um protestante.

Após este período, mudei para outra cidade, meu relacionamento com o povo católico era muito frio e distante. Comecei a freqüentar a Igreja Quadrangular, fui bem acolhido, e aquilo que eu entendia ser a religião certa era exatamente o que se praticava na Quadrangular. Como se diz popularmente, entrei com tudo. Meu crescimento foi meteórico. Em um ano já era diácono, professor , fazia parte do conselho, missionário, eu estava em todas. Ingressei na formação para Obreiros Credenciados, esta é a porta para ser um pastor. Nesta fase meu coração católico voltava a se manifestar, com muito custo me formei. Dos 22 alunos, somente eu cheguei a condição de assumir uma igreja como pastor. O coração católico continuava falando. Também a contra gosto acabei assumindo o ministério em uma igreja, onde fiquei por 7 meses. Após este período entreguei a igreja e retornei para a cidade de origem, de onde havia saído. Entrei como pastor auxiliar, e comecei a buscar conhecer o catolicismo.

Busquei saber o porque da igreja católica não praticar os ensinos bíblicos, o porque dos padres e dos bispos e até do papa serem tão errados. Que frustração. Todos estavam certos, eu é que estava errado. A doutrina que eu pregava era a errada, o que eu ensinava era o errado. O erro já era tão claro que eu o via até quando eu saía de casa para ir a igreja protestante. O coração já não falava, ele ria da minha cara.

Certo dia estava conversando com um amigo católico, ele sabendo que estava diante de um pastor evangélico, nossa conversa acabou indo para o campo religioso, senti nele um ar de inferioridade por ser um católico diante de um pastor evangélico. Meu coração voltou a falar e disse : ta vendo, você é o errado e no entanto é o certo que esta envergonhado. Sai dizendo para mim mesmo: chega , acabou.

Busquei o pároco da Igreja , fui acolhido durante uma grande missa, a verdadeira festa, o prodigo esta de volta a casa do pai. Que este testemunho resumido ajude a outros a ouvir o Espírito Santo quando ele usar o teu coração como o instrumento de Deus.

QUE DEUS NOS ABENÇOE

© Livre para cópia e difusão na íntegra com menção da fonte

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Exsurge Domini no BlogBlogs




Novidade!
Você poderá encontrar o site e blog Exsurge Domini no BlogBlogs, ajude você também a divulgar e evangelizar levando formação e conhecimento ao Povo Católico!

BlogBlogs.Com.Br

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Seminário de Vida - Jacareí-SP




Do dia 27 ao 31 de Julho inicia-se em Jacareí-SP o Seminário de Vida organizado pela Renovação Carismática Católica, visando um aprofundamento da fé e espiritualidade.

O Evento será no Santuário Nossa Senhora do Carmo no centro da cidade a partir das 19 horas e contará com a participação dos grupos de oração da cidade.

Se você mora em Jacareí ou região, Participe!

Conhecer a Missa fortalece a fé




Fonte: Exsurge Domini
Autor: Rogério Hirota escrito em 20/jul/2009

Quantas vezes já ouvimos pessoas comentar que a Missa é um levanta e abaixa sem fim ou que a mesma é bom para ginástica? Principalmente dos que não participam da Igreja Católica, eu particularmente já ouvi inumeras vezes de protestantes. Isso só prova que estes que sairam da Igreja, nunca procuraram saber o que estavam fazendo.

Fazer alguma coisa que você desconhece é obvio que em determinado momento irá se cansar, porque você não sabe aonde vai chegar, não tem um propósito definido.

É por isso que nos dias de hoje, onde a informação é acessível a todos, é um dever de todos o católico estudar e conhecer sua fé. Os mistérios depositados por Deus em sua Única e Verdadeira Igreja. Se estes que sairam da Igreja conhecessem, soubessem o significado do Santo Sacríficio do Altar, vivenciassem cada momento da Missa como algo único em suas vidas, estes nunca teriam abandonado a Igreja.

A Missa é composta por vários momentos preciosos que na qual devemos estar atentos, saber o que está acontecendo aí então seus olhos irão romper a fronteira entre o preceito criando o vínculo mais profundo, o amor a Santa Missa e com isso certamente deixaremos de observar tantas cenas que magoam nosso coração, de pessoas que estão lá por uma obrigação semanal, ficam bocejando, conversando, ficam com olhares dispersos pensando talvez no jogo de futebol que não se está assistindo, etc.

Não quero me aprofundar dentro de um estudo litúrgico, mas recomendo a leitura de livros e artigos sobre o assunto, um interessante é a A Missa parte por parte - Autor: Pe. Luiz Cechinato em livros de formação para ministério de música costuma-se também aprofundar nas partes da Missa como Formação de Músicos ou Tempos e festas da liturgia pertencentes a Coleção Paulo Apóstolo da Editora Santuário.

Que possamos crescer na fé e no conhecimento, buscar o entendimento, o discernimento para nos fortalecer em Deus e viver santamente os mistérios depositados na Igreja e que um dia possamos ver a Missa com os mesmos olhos dos nossos queridos santos, exemplos e testemunhas de uma fé verdadeira.

"Se conhecessemos o valor do Santo Sacrificio da Missa que zelo nao teriamos em assistir a ela!" Cura d'Ars - S. Joao Maria Vianey

"A mais humilde das MISSAS, celebrada na mais pobre das igrejas, pelo mais simples dos padres, mete medo ao diabo... E o Céu todo se inclina para assistir" Cura d'Ars - S. Joao Maria Vianey

"Agradeçamos, pois, ao Divino Salvador por ter-nos deixado este meio infalível de atrair sobre nós as ondas da Divina Misericórdia'' S. João Maria Vianey - o Cura D'Ars

"A Santa Missa é uma embaixada à Santíssima Trindade de inestimável valor; é o próprio Filho de Deus que a oferece" S. João Maria Vianey - o Cura D'Ars

"Nosso senhor nos concede tudo o que pedimos na Santa Missa : e o que mais vale é que nos dá ainda o que nem sequer cogitamos pedir-lhe e que entretanto nos é necessario" S. Jeronimo

"Cada Missa à que assistires, alcançar-te-á no céu maior grau de glória. Serás abençoado em teus negócios pessoais e obterás as graças, que te são necessárias" S. Jerônimo

"Fica sabendo ó cristao, que mais se merece em ouvir devotamente uma só Missa do que com distribuir todas as riquezas aos pobres e peregrinar por toda a terra" S. Bernardo

"a Missa é o Sol da Igreja" S. Francisco de Sales

"Na hora da morte, as MISSAS a que houveres assistido, serão a tua maior consolação. Um dos fins da Santa Missa é alcançar o perdão para teus pecados. Em cada Missa, pois, pode diminuir a pena temporal devida aos teus pecados, pena essa diminuida na proporção de seu fervor" Sto Agostinho

" Assistindo com devoção a Santa Missa, presta a maior da honras a Santa Humanidade de Jesus Cristo. Ele se compadeceu de muitas das tuas negligencias e omissões. Perdoa-te os pecados veniais nao confessados, dos quais porém, te arrependes, preserva-te de muitos perigos e desgraças que ate abateriam [...] Diminui o império de satanas sobre ti mesmo [...] Sufraga as almas do purgatorio da melhor maneira possivel" Sto Agostinho

"Uma só Missa a que tiveres assistido em vida, ser-te-á de mais valor que muitas a que os outros assistirão por ti depois da morte" Sto Agostinho

"Será confirmada no Céu a benção, que do Sacerdote recebes na Santa Missa" Sto Agostinho
"O martirio nao é nada em comparação com a Santa Missa" S. Tomas de Aquino

" Pelo martirio o homem oferece a Deus a sua vida; na Santa Missa, porém, Deus dá o seu Corpo e seu Sangue em sacríficio para os homens. Se os homens reconhecesse devidamente esse mistério, morreria de amor" S. Tomas de Aquino

"A Eucaristia é o milagre supremo do Salvador, é o dom soberano do seu amor" S. Tomas de Aquino

"Todas as Missas tem um valor infinito, pois sao celebradas pelo proprio Jesus Cristo, com uma devoção e amor acima do entendimento dos anjos e dos homens, constituindo-se o mais eficaz que nos deixou Nosso senhor Jesus Cristo para a salvação da humanidade" Santa Mectildes

"Nenhuma lingua humana pode exprimir os frutos de graças, que atrai o oferecimento do Santo Sacrificio da Missa" S. Lourenço

"Apos a consagração, eu tenho visto esses milhares de Anjos formando a corte real de Jesus em volta do tabernaculo, eu os tenho visto com meus proprios olhos" S. Joao Crysóstomo

"A Santa Missa é o presente mais precioso e agradavel que podemos oferecer a Santissima Trindade, vale mais que o Céu e a terra, Vale o proprio Deus" Ven. Martinho de Cohen

"Sinto-me abrasado de amor até o mais íntimo do coração pelo santo e admirável Sacramento da Santa Missa e deslumbrado por essa clemência tão caridosa e tão misericordiosa de Nosso Senhor, a ponto de considerar grave falta, para quem, podendo a assistir a uma missa, não o faz" S. Francisco de Assis
© Livre para cópia e difusão na íntegra e com menção da fonte e autor

sábado, 7 de março de 2009

Estas seitas com nome Católica são válidas?





Fonte: Exsurge Domini
Autor: Rogério Hirota (SacroSancttus) em 21/Fev/2009

Levantar-se-ão muitos falsos profetas e seduzirão a muitos (Mt 24,11)

O inimigo da Igreja tem utilizado de planos ardilosos para enganar o povo de Deus, já nos primórdios do cristianismo inicia-se heresias como os gnósticos passando pela criação do Protestantismo em 1517 com Lutero, criando-se inúmeras divisões e o que tenho percebido é que agora o alvo é utilizar o nome Católica para enganar e seduzir os fiéis. Tenho visto várias seitas como Rede de Missões Católicas, igreja Católica Brasileira, Vétero-Católicos, igreja Católica Apóstolica Carismática e recentemente cruzei com uma chamada igreja Católica Carismática em uma lista de emails.

Todas estas seitas nada tem a ver com a Verdadeira Igreja de Cristo, a Igreja Católica Apóstolica Romana que é Una em todas as partes do mundo, com bispos designados pelo próprio Papa e todos obediêntes ao Sagrado Magistério da Igreja, todos estão unidos numa mesma fé e mesma doutrina. Esta igreja Católica Carismática é uma seita que se utiliza do nome da Igreja e de alguns pontos de doutrina mas que no fundo se opõe claramente à Igreja Católica, em seu site exalta que possui muitos sacerdotes casados e que são contra o celibato, afirmam ainda que possuem o catolicismo puro: "Se você sonha vivenciar um catolicismo puro, livre de quaisquer preconceitos e amarras humanas". Ainda encontrei no texto de um seguidor desta igreja alguns pontos que discordam com a fé católica como:

1) Sem Lei do Celibato ;
2) Sem Confissão Auricular ;
3) Sem proibição de bênçaos a novas nupcias;
4) Sem discriminação de mulheres para receber ordens sacras


O pontos que se tornam contra a fé católica e consideradas heréticas é serem contra a Confissão, que é um dos Sacramentos e serem a favor da segunda união, aliás vão contra a própria Palavra de Deus que afirma que o homem deve se casar somente uma vez.

Lucas 16,18. Todo o que abandonar sua mulher e casar com outra, comete adultério

Mateus 19,6,9 Assim, já não são dois, mas uma só carne. Portanto, não separe o homem o que Deus uniu.Ora, eu vos declaro que todo aquele que rejeita sua mulher, exceto no caso de matrimônio falso, e desposa uma outra, comete adultério. E aquele que desposa uma mulher rejeitada, comete também adultério.

Hoje vivemos um tempo em que é necessário formação e discernimento na fé católica para não sermos enganados e seduzidos por estas falsas igrejas que utilizam de uma linguagem doce mas que está repleto de enganos, por exemplo no mesmo texto encontrei tambem esta citação:

"Não somos outra igreja. Somos parte da unica igreja catolica , fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo no Ano 30 DC , na cidade de Jerusalem as quais estão presentes no mundo todo em suas cinco vertentes - romana, ortodoxa, anglicana, veterocatolica e nacionais"

O mesmo afirma que a Igreja Católica está dividida nestas cincos divisões o que é uma inverdade por exemplo a Igreja Anglicana é protestante, fundada pelo Rei Henrique VIII na Inglaterra possui como base doutrinária os mesmos pontos de fé do protestantismo ou seja, a Sola Scriptura e a Sola Fides ou seja Somente as Escrituras e Somente a Fé como colunas doutrinárias, não aceitam a Igreja Católica assim como os protestantes em vários pontos como intercessão dos santos, o primado de Pedro , Maria como Mãe de Deus e Rainha do Céu. etc.

A chamada Igreja Vétero-Católica nasceu da revolta de alguns Bispos alemães contra a proclamação do dogma da infalibilidade papal em 1870 negam assim duas Constituições do Vaticano I de 1870 do Papa Pio IX - Constituição dogmática Deis Filius, sobre a fé catolica- Constituição dogmatica Pastor Aeternus sobre o primado e a infalibilidade do Papa quando se pronuncia "ex catedra", em assuntos de fé e de Moral. E negam ainda três Constituições Dogmáticas do Concilio Vaticano II dos Papas João XXIII e Paulo VI sendo elas : 01- Constituição Dogmática sobre a Igreja (lumen gentium) , 02- Constituição Dogmática sobre a revelação divina (Dei Verbum) e 03- Constituição Dogmática sobre a Sagrada Liturgia (Sacrosanctum Concilium) além de mais 13 documentos deste mesmo concílio. Possuem sua própria sucessão apóstolica , Jader Pereira seria o bispo 138° depois de Pedro negando assim o Papa Bento XVI, enfim são uma heresia que carregam o nome de Católica.

E o que é afirmado como nacionais deve ser as igreja Católica Brasileira, Rede de Missões Católicas, igreja Católica Carismática entre outras foram fundadas no Brasil e que definitivamente não possuem nenhuma ligação com a Igreja Católica e seus Sacramentos são nulos, não possuem nenhum valor na fé católica, inclusive esta igreja Católica Carismática se gaba por não aceitar o celibato mas também a igreja Católica Brasileira também não a aceita.

O que podemos concluir com tudo isso? Apenas que os lobos vestidos de ovelhas estão aumentando, utilizando-se de má fé apenas para enganar os católicos assim como fazem os protestantes, afinal não foi isso que afirma um dos fundadores da igreja Universal? Quatro anos apos sua fundação, Edir Macedo passou a usar o título de "bispo". A finalidade de tal decisão tinha um objetivo mal intencionado revelado por Roberto Augusto Alves em depoimento ao "Jornal da tarde" de 02 de Abril de 1991, p. 16: "Esse negócio de bispo é só um título para envolver os Catolicos".

O tempo em que Jesus afirma nas Escrituras ja chegou, pessoas afirmando ser Jesus (pastor da igreja Crescendo em Graça e Inri Cristo), afirmando que são a verdadeira Igreja Católica com um só intuito promover a discórdia doutrinária, a divisão e a dúvida e qual o remédio para este mau? É fortalecer e viver intensamente nossa fé dentro da Igreja e buscar a formação para que possamos ficar imunes e transmitir a verdade de Cristo, que só Há Uma Fé, Uma Igreja Católica cujo pastor é o Papa e que Há somente Uma Doutrina a ser seguida e quem nega uma Verdade de Fé não pode se intitular Católico nunca.

© Livre para Cópia e Difusão na íntegra e com menção do Autor e Fonte